Acrônimo
setembro 30, 2003
  Sobre um rio poluído, restos estranhos são adicionados.
 
  Ontem nossos amigos negaram importantes sofismas tendenciosos. Alegaram surpresa.
 
setembro 29, 2003
  Sempre ouço lorotas idiotas de anões onanistas
  Lembrou intrigas nossas, gritava, urrava; infeliz com a solidão
setembro 26, 2003
  Se ela não se importar, vou expor-lhe lingüiças
  Superou expectativas mas via em rostos grosseiros olhares nada humanos. Independentemente continuava explêndida, sensível
  Sujei o colarinho indo às inenarráveis sem-vergonhices.
 
  O Risco induz grandes injustiças nas atuais irmandades sociais 
  Olha, ninguém esqueceu: respeitam os seus originais
  Amor muito piedoso; amor ruím... oneroso
  Raiva ele sentiu por ontem, sem ter amparo
  Mentiram a resposta
  Um rápido rio a rugir indo ao mar
setembro 25, 2003
  Eu nunca tentei explorar nanicos desdentados... eles urrariam
  Se encontrares muitos perigos recua, entendeu
  Só através grande rota Andina; dorme até sempre
  Os reis batalham incessantemente tentando alcançar insígnias Sagradas 
  Somos índios, lemos estrelas no céu... ilhas orbitais
  Astutos nômades trabalhavam em silêncio. 
  Ontem, na ilha, pude observar tamanho encanto nocturno como imaginei antes
  Ele não tentou entender nossas diferenças, ignorou mesmo. Ele não terá onipotência
  Sobre umbanda, besteiras levianas infestam meu entendimento 
  Uma rosa, um beijo único... sublime
  Acabei matando os urubus. 
setembro 24, 2003
  Sempre ocultara-se: nenhum homem amou
  Sou uma besta só! Tanta inteligência, tanta união... idiota! Ri, lê, ouve... sonha
  Ordenamentos relapsos não impedem tanta omissão. Resumindo, resta inutilizar nossos códigos ou substituir-los. 
setembro 23, 2003
  Estuda-se, na Tailândia, especificar números de ornitorrincos
  Eu só trabalho um pouco, recebo aumento raramente, mas entendo
  Levei ontem uma camisinha... afinal, malucas estudantes norueguesas tentaram estuprar-me
  Saber amar compreende amar Loucamente 
setembro 22, 2003
  Somente escolas municipais ensinam ludicamente. História, aritmética... nenhum tema é sacal
  Seu antipático! Grosserias rendem apenas desgostos aos semelhantes
  Espelhos místicos poderosos explodem canibais índios, lançando-lhe horrendas orbes sagradas
  Só injustiça move políticos levianos. Eles são muitos e não têm empecilhos
setembro 20, 2003
  se alguém beber, o Reitor Ordenará Seguranças ignorantes sentarem sarrafos impetuosamente! Melhor ouvirmos, simplesmente 
setembro 19, 2003
  Senhoras altivas fizeram a degustação: ovinhos saborosíssimos
  Agora muitos andam valorizando esses incompetentes safados. 
setembro 18, 2003
  Alguém mergulhou ali lançando depois, inconscientemente, cinqüenta ondinhas amenas deslumbrantemente amáveis 
setembro 17, 2003
  "Socorro!! Um cadáver! Um morto!" Berrou intermitentemente, rezando. Infeliz amaldiçoada... 
  Seria inviável transplantar um anfíbio. Certamente o espécime sucumbiria
  Riam alto lembrando estranhas situações 
  Antigos monarcas odiavam ralés
  Sou altamente mimado pelo amor 
  Rádios internacionais noticiam: ocorreram combates enfurecidos, revolucionários ocuparam novos territórios em Sampa
  Rádios internacionais noticiam: ocorreram combates enfurecidos, revolucionários ocuparam novos territórios, encurralando Singapura.
O correto é "Cingapura". 
setembro 16, 2003
  Muito espivetada, lambeu homens, ornitorrincos, rinocerontes... 
  Os psicopatas estão reclusos. Agora vamos analisá-los melhor
  Aquele barco estava remando rio acima como antes operavam. 
  Meu irmão nem imagina, mas amanhã lhe indagarei sobre tamanha aberração
setembro 15, 2003
  Obras neoclássicas têm estrutura minimalista
  Saímos inteiramente lúcidos ontem. 
  Subimos ofegantes no silo
  Alguém logo hesitou. - "Esperem imóveis, ouvi sons." 
  Seria absurdo mordiscar beiços alheios
  Saí ontem cedo ouvindo Samba 
  Minha amiga ruborizou-se. Gentilmente intimei-a: "namora-me agora, linda!". Ignorou-me... zanguei-me. Aí dei-lhe oito socos
  Olhem bem! Simplesmente temos renomadas universidades incentivando reabilitação aos marginalizados. 
  Andamos na trilha íngreme que uns aborígenes deliberadamente obstruíram
setembro 14, 2003
  Eu simplesmente pensei em restaurar aquele neoclassico casarão antiquado. 
  Ósculos criam impressões ótimas, sem igual. Dão amor, Dão esperança
  O rei guerreiro urrou lamentando haver ociosidade. 
setembro 13, 2003
  Ontem, belíssimas visões instilavam orgulho
  Sentou amedrontada. Tanto imaginou ser feliz... Enganava-se ingênua. Tão óbvio
  Sabado alegre, um dia inspirador, tranquilo, acordei satisfeito. 
setembro 12, 2003
  Soldados americanos lutam sempre, incessantemente, contra homens árabes sauditas
  Ontem parei e refleti: amanhã comerei ovos e salsichas
  Enquanto Xiitas Pulam Ufanistamente Líderes Sunitas Armam Operações 
setembro 11, 2003
  Ora, bem vi! Insinua aí, meu estúpido nêmesis, tua expulsão?
 
  Oito xaropes ingeri. Gripes eu não incubarei, obviamente.  
  *Ontem, todos ainda respiravam inspirando oxigênio 
setembro 10, 2003
  Momentaneamente acreditei não ser aquele otário
  Salvaram o farmacêutico rico invadindo a mansão. 
  Aqueles pacientes regurgitavam, estes sufocavam. E nenhum tinha a dor atenuada. Sofriam
  Senhores artistas! Nosso grandioso único invento nesta oficina logrou êxito nas cidades inicialmente apresentadas. 
setembro 09, 2003
  Outrora riam dos ignorantes nativos: aquele riso irônico ocultava sanguinolência
  Seguramente, as conjecturas estúpidas resultam de outros conceitos igualmente ordinários.
 
  Seria ingenuidade nossa imaginar soluções teológicas revolucionando o sacerdócio
  Sobrenaturais espíritos causam arrepios sinistros
  Os bezerros lambiam insistentemente tetas úmidas retirando alimento, deixando-as obviamente secas
  Um tumor oval paralisa imediatamente corações obliturados
  Sinto amor inútil, utópico. 
setembro 08, 2003
  Ela chegou, olhou nos olhos meus, informou coisa omissa, saiu 
  Os roedores invadem grandes indústrias náuticas, alimentícias, leiteiras, infestam doenças, acarretam danos econômicos. 
  Ótima resposta! Constantemente, argumentos, mesmo engraçados, não têm originalidade
  Somos um povo espetacular. Raras vezes indagamos sobre incertezas orçamentárias no orçamento! 
  Sempre urrou bravamente, ordenando ríspido: Deitem-se, idiotas! Não admito delinqüentes onde supervisiono
setembro 07, 2003
  Só ontem não humilhei os subordinados. 
setembro 06, 2003
  Seres oníricos não existem: tangem os sonhos
  Sozinho ele inventava sonetos
setembro 05, 2003
  O comediante iniciará o show às seis
  Satanás injeta lúgubre enxofre nas cabeças infantis ociosas
  Sacerdote esperançoso rezou muitas orações em silêncio. 
setembro 04, 2003
  Engula sua porção imediatamente, resmungão imbecil! Terminou o sermão
  Meninas eram normalmente iniciadas naquele grupo invocando terríveis espíritos
  Sob unhas roídas, germes indestrutíveis reativam a meningite
  Se ele ganhar ultrajando novamente, denuncio o sacana!
Regras nº 7 e 9 
  O batizado tântrico, um rito antiqüíssimo, demorou onze segundos.
Regra nº 7 
  Ontem beberrões trouxeram uma ralé arruaceira. De onde surgiram
  Mulheres orgulhosas riem ruidosamente, escancarando nitidamente dentes obturados
  Os bons jesuítas eram torturados, acorrentados, roubados... acabavam morrendo. 
setembro 03, 2003
  Sancionaram ontem lei idêntica da Alemanha. Rádios ilegais objetaram
  Esta xenofobia totalitarista realmente atrapalha viajantes argentinos. Gente americana não tem espírito solidário
  Seria essa Xuxa uma artista libertina indutora de atitudes demasiadamente extravagantes
  Ela só trepa imaginariamente. Lamenta imensamente ser tão insegura com a sexualidade.
 
  Sujeito ignorante lastimável. Ele não consegue imaginar o significado artístico mencionando em novas tendências estilísticas. 
setembro 02, 2003
  Menti, incitando universitários desobedientes orarem silenciosamente
  Amanhã, chorarás rios e diques inteiros, trocando em miúdos.
 
  Somos um povo racista e mesquinho, acreditem
  Sempre os bêbados riem escancaradamente conforme arrotam... risadas roucas... e ganem alto, demonstrando alegria suprema
  Ela saboreava quindins úmidos, inebriantes. Zurrava ofegante, fingindo regurgitar, entrando nas imundas cozinhas obviamente sobrecarregadas
  Reabilitei esquizofrênicos
  Respeito! Evitem zangar a
  Este silêncio calmo ajuda padres a rezar
  Acrônimos divertem, irradiam alegria! Não tente escapar
  Olhei rápido: garotos iam adiante
  Lá estavam: gatinhas indecentes, suavemente lascivas, atracando-se. Tentei interropê-las... vil orgia!!! 
  Eu somente tentei alegar tamanho abuso legislativo. 
setembro 01, 2003
  Se eu ganhasse uma remuneração alta mentiria, economizando na tributação estatal
  Se eles racionarem virgens, iremos comer-lhes as irmãs, seguramente
  Matem a rainha! Tentem envenená-la ladeando algum dos atarefados serviçais
  A melhor pianista arrebentou: recital a marteladas
  Somente amigos muito bons amparam. 
A idéia vem de um blog internacional. Na Internet nem tudo se cria, muito se copia...! Enfim, aqui, em português, os participantes devem fazer uma frase em forma de acrônimo a partir das letras da última palavra do post anterior, que por sua vez é também um acrônimo nascido do mesmo jeito!

Última contagem feita em...
...adicionadas
(27/05/2004)

PLACAR
 Alexandre - 84 (desde 9/7)
 Eu mesmo - 74 (desde 30/8)
 Ana - 41 (desde 17/8)
 Michel - 38 (desde 29/7)
 Clarissa - 38 (desde 1/7)
 Chico - 37 (desde 3/7)
 Ibere - 34 (desde 29/8)
 Laura Palmer - 32 (desde 31/7)
 Luiz - 30 (desde 30/8)
 Laura - 30 (desde 31/7)
 Frederico - 28 (desde 29/8)
 Gabo - 23 (desde 27/6)
 Thiago - 23 (desde 11/8)
 zhion|off - 20 (desde 29/8)
 Marcel - 18 (desde 18/8)
 Judson - 16 (desde 29/8)
 Gustavo - 12 (desde 17/8)
 Hardy - 12 (desde 9/8)
 Nando - 11 (desde 31/7)
 Infectious Human Waste - 9 (desde 28/6)
 Camila - 6 (desde 30/6)
 Camila Cirila - 6 (desde 2/7)
 Leandro - 6 (desde 27/6)
 Priscilla - 4 (desde 27/6)

O jogo
Forme uma frase a partir das letras da última palavra do post anterior. Não importa se a sentença é séria, engraçada, indecente, boba... O importante é que as regras sejam seguidas! Cada acrônimo vale um ponto. Todo mundo com vontade de participar é bem-vindo.

Escreva-nos para se juntar ao Acrônimo, não esquecendo de nos mandar seu nome e o link para o seu blog. Ou então, jogue em inglês ou em espanhol.

Algumas regras
1. crie frases lógicas, não despeje palavras, apenas.
2. nomes de pessoas não são permitidos, a menos que sejam muito conhecidos.
3. sua última palavra não pode ter mais de 20 caracteres. Marque-a em negrito
4. no eventual caso em que dois ou mais participantes mandem acrônimos criados a partir da mesma palavra do post anterior, os mais recentes serão desconsiderados.
5. um mesmo participante não pode postar duas sentenças seguidas.
6. como não há palavras iniciadas com "ç", em caso de aparecer essa letra deve-se considerar como sendo "c". Acentos também devem ser ignorados.
7. frases feitas a partir de acrônimos desconsiderados também serão desconsideradas.
8. se houver algum problema com frases postadas e rejeitadas por alguma regra, entre em contato por email. Não escreva posts que não sejam acrônimos.
9. reveja a sua frase e as imediatamente anteriores antes de postar. Se porventura um participante cometer um erro em sua frase, não aceite a última palavra. Continue a partir do último post correto.

ARCHIVES
Junho 2003 / Julho 2003 / Agosto 2003 / Setembro 2003 / Outubro 2003 / Novembro 2003 / Dezembro 2003 / Janeiro 2004 / Fevereiro 2004 / Maio 2004 / Junho 2004 / Agosto 2004 / Setembro 2004 / Novembro 2005 / Janeiro 2006 / Agosto 2009 / Maio 2011 / Junho 2011 /


Powered by Blogger